Visita Pastoral em Colares


Dom Carlos chegou na terça à Paróquia de Nossa Senhora do Rosário, Colares, para mais uma visita pastoral. Cerca de 3 anos após a última visita pastoral à cidade, o bispo pôde dedicar um tempo maior às comunidades, isto porque esteve diversas vezes no período entre a última e a atual visita pastoral.

Entre os dias 28 de outubro e 1º de novembro, o bispo visitou comunidades no interior e na sede, passando ainda por instituições de cunho social e político, principalmente ouvindo e animando os fiéis a persistirem na evangelização.

O padre Luverci, atual pároco da paróquia Nossa Senhora do Rosário, disse “é uma enorme alegria poder receber dom Carlos aqui, visitar as comunidades com ele, falar de esperanças e desafios”, enquanto a jovem Camile falou “ele nos falou que é importante persistir na evangelização com os outros jovens, principalmente os que estão no caminho das drogas... A sermos pescadores de homens”.

Além de um momento dedicado aos jovens, o bispo aproveitou o último dia da visita para reunir lideranças, saber mais como as pastorais vêm atuando, e incentivar a ir até os que mais precisam: “é preciso tirar esta separação entre discipulado e missão, como se uma coisa fosse diferente da outra... Temos que ser discípulos e missionários, como pede o Papa Francisco”, disse aos coordenadores reunidos.

Dom Carlos encerrou a visita pastoral da maneira que iniciou: celebrando missa com significativa participação dos fiéis. O bispo, além de saudades, deixa à paróquia o convite a ser mais presente nas periferias, sejam elas geográficas ou existenciais. Deixa também vivo o desejo de bem celebrar o primeiro decênio da Diocese, mas principalmente traz testemunhos de gente comprometida, que na simplicidade faz da vida doação à Deus, que vive no em cada irmão.

Paulo Correa


4 visualizações