Círio em Maracanã: devoção encarnada na vida de uma comunidade


A Paróquia de São Miguel Arcanjo realizou no domingo o tradicional Círio de Nossa Senhora de Nazaré. Com mais de cem anos, o Círio que começou pequeno vem ganhando cada vez mais participação não apenas de moradores da cidade, mas de municípios vizinhos e até mesmo distantes.

A fé se manifesta pela devoção popular - carros de promesseiros, crianças vestidas de anjos, senhores vestidos de marinheiros, pessoas carregando casas e peças de cera, a corda...

Desde cedo muitos já guardam lugares na corda que circunda a imagem de Nossa Senhora e uma parte da procissão: é preciso força e entendimento para seguir firme na corrente puxada por tantas mãos. Como na vida da comunidade, é fundamental a comunhão de todos, que seguem pelas ruas e pela vida, demonstrando unidade e fé.

Sob forte sol, os caminhantes não deixaram cair o ritmo, embalados pelo grupo que animava do trio, pelas bandas de música, pelas orações e pelas homenagens feitas por famílias, comerciantes e outras instituições.

Para a organização, uma bênção que motiva a fazer sempre mais, pela glória de Nossa Senhora, mãe de Jesus e da Igreja.

Com a chegada à Praça da Matriz de São Miguel Arcanjo, foi necessária força e persistência no objetivo de participar do Círio até o fim. A missa campal presidida pelo pároco, padre Joaquim Bizerril, foi uma bela celebração da fé que reúne irmãos.

A bênção final emocionou ainda mais os caminheiros. Momento de agradecer, pedir graças e milagres, e festejar este dia que marca estes momentos iniciais da festividade, que segue ainda por duas semanas.

Dia abençoado para a Paróquia e para toda a Diocese de Castanhal.

Paulo Correa


53 visualizações