VIDEO-ENCONTRO: INVENTANDO PALAVRAS E MEIOS


A Diocese de Castanhal vem numa “esteira” interessante nos últimos meses: o uso de mídias para fortalecer a formação e os vínculos, superando um dos obstáculos fundamentais da ação organizada no território pastoral – a distância.

Com a formulação e distribuição de um material específico para a formação dos líderes de pequenas comunidades, dom Carlos e a Pascom, junto ao pessoal da Escola de Evangelização, puderam chegar a diferentes lugares e em diferentes tempos através de projetores, computadores e TV’s.

Nesta semana, também a Pastoral da Comunicação, adotou a utilização de vídeos como forma de estreitar os vínculos entre os agentes distribuídos em diversas cidades e localidades. Através de vídeo compartilhado via whatsapp e facebook, a Pascom, após discussões seguidas em suas formações, colocam em prática um importante projeto.

Os resultados virão pouco a pouco, dependendo isso do retorno, do tal feedback que muitos falam. Isto, entretanto, é um passo a mais na construção e efetivação da ação pastoral direcionada, organizada, e comunitária.

A iniciativa recebeu o nome de “vídeo-encontro”, o que na fala do coordenador diocesano da pastoral, Erasmo de Abreu, “talvez seja uma palavra que não existe, mas enfim, a inventamos”.

De fato, talvez tenha sido inventada uma palavra. De qualquer forma, não se esgotou nisso – na verdade, é a adoção de um jeito novo de agir em pastoral!

* Formação 1 - Família: Escola, trama, e sujeito de comunicação

* Formação 2 - Escola de comunicação


4 visualizações