Domingo de Ramos nas Paróquias


Na história bíblica, a procissão de ramos precede o triste episódio, mas, também maravilhoso e glorioso momento da Paixão de Cristo, que se entregou para morrer pelos pecados de toda a humanidade.

Toda a Igreja em comunhão realiza no mundo inteiro a liturgia da Semana Santa, e em nossas paróquias não foi e nem será diferente, os presbíteros com suas comunidades, se organizam para estender ao povo àquilo que a Igreja de Deus propõe. Por isso é tão comum nas manhãs do Domingo de Ramos tantas pessoas deixando suas casas e seguindo para uma das ruas onde possam encontrar a procissão de sua comunidade e seguir até suas respectivas capelas e paróquia realizando o tão importante gesto.

A Igreja Católica, diferente de todas as outras igrejas e denominações, vem a séculos fazendo os cristãos (de todas as igrejas), a experimentar os mesmos momentos vividos por Jesus. A Semana Santa, apesar de ser uma data do calendário católico, abrange a todos provocando uma piedosa reflexão. Assim, todos são instigados e convidados a buscar ainda mais o perdão do Senhor, reconhecendo-se pecador.

Os ramos além do contexto em que foi registrado, é momento de louvor ao Senhor, não mais para crucificá-lo [e esta também não era a intenção do povo naquela época e naquele episódio], mas sinal de que abolimos o pecado, louvando ao Senhor pela salvação dada por Jesus a cada um, pobres pecadores.

A Procissão de Ramos traz também o coração de quem se compromete a viver e refletir mais profundamente esta semana de conversão, oração, jejum e amor, uma verdadeira Semana Santa.

Neste link trouxemos fotografias das paróquias e comunidades que compartilharam conosco esta experiência.

veja as fotos aqui.


19 visualizações